Como companhias do setor de energia buscam maior agilidade nas intervenções

Última alteração: 22 de Outubro de 2020 às 16:51

As companhias do segmento de energia necessitam seguir uma série de procedimentos a fim de realizar intervenções que contribuam para manter os serviços disponíveis, dado que é essencial as operações estarem de acordo com as regulações do setor.

Nesse sentido, também é imprescindível haver uma comunicação rápida, eficiente e precisa. Afinal, a troca de informações entre agentes deve ser feita em tempo hábil para que os trabalhos de manutenção sejam executados corretamente.

Neste artigo, vamos destacar como as empresas do setor de energia podem obter uma maior agilidade nas intervenções, sem deixar de agir dentro das regras previstas pela Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL).

Confira!

Como a atual comunicação entre agentes aumenta o risco de penalidades nas companhias elétricas?

Hoje, é comum que companhias do setor elétrico adotem modelos de comunicação que podem gerar atrasos nas operações. Dessa forma, há um risco de aumentar os períodos de interrupção nos serviços por um prazo maior do que o estipulado pelos órgãos reguladores.

Também vale destacar que a dificuldade em garantir o cumprimento de todos os parâmetros adotados pela ANEEL é uma das causas mais recorrentes de penalidades impostas pelo setor elétrico. Na maioria dos casos, as companhias são obrigadas a pagar multas, que podem afetar a capacidade de investimento na melhoria dos serviços.

Resumidamente, se as companhias de energia não priorizarem a eficiência e padronização na comunicação, naturalmente ocorrerão equívocos nas solicitações de intervenção.

Por exemplo, uma empresa tem um ativo em comum com outra organização do segmento e manda um e-mail, informando que é necessário executar uma manutenção preventiva. Porém, a mensagem pode não ser lida em tempo hábil por diversas razões, e o resultado disso é que as chances de haver um atraso na operação também aumenta.

Esse problema, por sua vez, também afetará a qualidade dos serviços, bem como a reputação da companhia perante o mercado.


O que fazer para agilizar as solicitações de intervenção?

Não é simples seguir as regulações do setor elétrico e buscar uma comunicação que contribua para tornar os serviços mais ágeis. Por outro lado, o avanço tecnológico pode ajudar bastante a evitar problemas nas interações entre os agentes do segmento de energia. Portanto, é necessário definir processos que viabilizem uma interação rápida, correta e prática.

Mesmo assim, só isso não é o suficiente para garantir que a troca de dados entre os agentes esteja dentro da normalidade. É importante também conscientizar os funcionários de que uma comunicação precisa e ágil tem uma grande diferença na performance da empresa. Nesse caso, é recomendado que a equipe seja capacitada para melhorar a interação com os stakeholders.

Qualquer ruído de comunicação pode gerar problemas que serão, em algumas situações, difíceis de serem contornados. Por isso, o melhor caminho é aliar padronização, foco em pessoas qualificadas e uso de ferramentas que facilitem a interação.

Se isso não for priorizado, uma organização do setor de energia dificilmente terá a rapidez necessária para solicitar os pedidos de intervenção. E de quebra terá mais dificuldades para estar de acordo com as regulações do setor elétrico. 

Qual o papel da transformação digital nesse contexto?

A transformação digital é um fenômeno que precisa ser levado a sério pelas companhias de energia. Um dos motivos é que ela viabiliza seguir as regulações do setor elétrico, caso os recursos tecnológicos sejam utilizados de forma estratégica.

Hoje, há sistemas que permitem, além de administrar dados corporativos, otimizar a comunicação entre empresas. No setor elétrico, portanto, à medida que os dados são encaminhados para os órgãos reguladores com clareza e dentro do prazo, maiores são as chances de haver uma troca de informações precisa e eficiente.

Tudo isso também tem grande influência nas etapas intervenções. Afinal, quando autorizadas em tempo hábil, as empresas conseguem evitar problemas relacionados à disponibilidade dos seus ativos.

A escolha de sistemas que ajudem a modernizar os serviços e a aumentar a eficiência na troca de informações deve ser uma das pautas de qualquer companhia energética. Sem dúvida, um suporte tecnológico de ponta é capaz de agilizar a rede de autorizações, proporcionando à empresa um maior domínio das informações relacionadas às solicitações enviadas.

Conheça a solução da In Forma que irá melhorar a conformidade da sua companhia

Para fornecer mais eficiência e agilidade aos pedidos de intervenção, a In Forma desenvolveu o RequestOK, que consiste em um portal de autorizações, cujo foco é padronizar a comunicação entre as empresas.

A ferramenta ajuda a monitorar e localizar com segurança as solicitações de autorização relacionadas às intervenções. Além disso, contribui para que as manutenções sejam feitas nas datas previstas.

Na prática, o software padroniza as comunicações ao permitir o lançamento de dados comuns relativos a uma intervenção, como:

      Quem vai elaborar o serviço;

      Data da parada sendo programada ou não;

      Quais equipamentos envolvidos.

Vale destacar que o RequestOK também aceita a inserção de mais dados, que precisam seguir um padrão de identidade em cada documento. Essa iniciativa tem como meta tornar mais simples a troca de informações entre os agentes do segmento de energia.

Para facilitar a adesão ao sistema, a In Forma fornece o RequestOK para os clientes, que adotam solução de Gestão de Ativos. A meta é disponibilizar uma opção para integrar os documentos de solicitações de intervenção já usados na solução principal com o portal de autorizações.

Outro objetivo é proporcionar mais agilidade no contato com os agentes externos que não têm acesso à suíte In Forma, mas precisam se comunicar com velocidade.

Inegavelmente, o avanço tecnológico é estratégico para seguir as regulações do setor elétrico com eficiência. Por isso, se você quer melhorar a comunicação e o planejamento das intervenções, vale a pena conhecer um pouco mais sobre o RequestOK. Entre em contato conosco e tire suas dúvidas!